Blog

23 de Julho de 2016
Avaliação:

Precisa de corte no parto normal? O que é episiotomia?

 

A episiotomia é uma incisão cirúrgica realizada na região entre a vagina e o ânus (também chamada de períneo) com o objetivo de ampliar o espaço para a passagem do bebê.
 

Seu uso rotineiro teve um "boom" a partir da década de 40 com a hospitalização dos partos. Seu uso indiscriminado só passou a ser questionado na década de 70 com o maior empoderamento da mulher, o que foi corroborado pelos estudos científicos que surgiram a partir daí e a contestaram.


Quando a episiotomia não é realizada, podem acontecer lacerações espontâneas. Elas são geralmente menores que a episiotomia, com menor dor e sangramento no pós parto. Em alguns poucos casos, as lacerações podem ser extensas chegando a acometer o reto ou ânus e de maior dificuldade de reparo.

A episiotomia de rotina já não tem mais espaço nos dias atuais e nem tem respaldo científico para acontecer. São poucas as suas indicações. Reservamos para os casos de sofrimento do bebê em que é necessário o parto imediato durante a fase final de expulsão do bebê e nos casos onde existe a percepção do obstetra em que possa ocorrer uma laceração da vagina mais extensa como comentado anteriormente. Nestes casos a incisão vai depender do tamanho do bebê e das condições locais maternas. 

 

A melhor maneira para prevenir as lacerações e evitar a episiotomia é  manter uma dieta equilibrada e um ganho de peso adequado que repercutirão em bebês saudáveis e de tamanho adequado, minimizando e muito a necessidade de qualquer tipo de intervenção.


O preparo do períneo durante o pré-natal pode colaborar também. Dispositivos para trabalhar a musculatura pélvica, como o Epi-No®, necessitam de mais estudos para comprovar seu real benefício. No momento do parto, massagem e compressa quente no períneo podem ajudar. 

É fundamental que toda gestante converse com seu obstetra sobre esse tema durante o pré-natal, para que possa inclusive, manifestar seu desejo em relação ao tema e também conhecer o posicionamento do profissional que a irá assistir no parto.

 

Dr. Wagner R. Hernandez
Médico Obstetra e Ginecologista formado pela USP
Diretor do Centro Obstétrico do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP
Tel.: (11) 2367-0710 / (11) 9.5000-2562